SAIBA PREVENIR
 

Como não deve recorrer a nós

A perda dos dados pode ser muito cara seja para as empresas que para o simples usuário. Por isso é no seu interesse investir tempo e recursos na prevenção. Eis alguns conselhos:

Faça um backup do sistema:

Seja que use um P.C., que um portátil ou que seja responsável informático de uma empresa, o backup dos dados é fundamental. Fazer um backup significa fazer uma cópia dos dados críticos em qualquer suporte e conservá-lo separadamente dos dados originais.

Tentem reabilitar um backup, antes que sirva realmente

“o meu backup funciona, más a reabilitação não”. Este é um velho ditado informático que faz referência a desastres reais, nos quais tem um procedimento de backup executado cada dia sem erros, mas quando o backup serve realmente, tem algum problema na execução no procedimento de reabilitação. Ninguém na verdade, testou o backup para ter certeza que os dados poderiam ser reabilitados corretamente.

Não efetuar atualizações sem ter um backup testado.

Antes de atualizar (seja de um ponto de vista hardware que software) um qualquer sistema, faça um backup completo e teste o procedimento de reabilitação. Em muitos casos de perda de dados coinvolgem uma atualização de dados feita mal. Verifique se você pode reabilitar o back up em qualquer momento antes da atualizar o sistema.

Documentem o sistema

Faça um elenco das aplicações e assegurem-se de ter um backup de todos os dados.

  • Organizem a documentação de todo o software e do hardware originais.
     

  • Adotem medidas preventivas contra os danos físicos
     

  • Mantenha o sistema em condições ambientais favoráveis pelo qual resguarda a temperatura e umidade.
     

  • Adote condições contra os altos e baixos de tensão.
     

  • Tire o pó ao interno do case.
     

  • Limpe periodicamente os leitores óticos e a fita com o uso de discos e fitas especiais.
     

  • Tome precauções contra as descargas eletrostáticas 

     

    Adote medidas preventivas contra os danos software

  • Cancele software e aplicações inutilizáveis ou não necessárias.
     

  • Desfragmente o disco fixo.
     

  • Efetue análises periódicas do sistema de arquivo.
     

  • Instale e mantenha atualizado antivirus e firewall

    Faça atenção aos sinais de alarme

  • Muitos programas de gerenciamento de discos fixos possuem um sistema diagnóstico para “previnir” falências mecânicas enquanto o disco ainda está funcionando. Não ignore estes sinais. Por exemplo,  um servidor RAID poderia emitir um sinal de alarme no caso em qual o disco seja danificado, más continua a funcionar graças ao dobro dos dados oferecidos pela tecnologia RAID. Isso permite ao sistema de continuar a funcionar mesmo sem um disco, más não é a solução definitiva.

    Faça atenção a segurança

  • O seu sistema é fisicamente protegido contra furto ou vandalismo de cada tipo?
     

  • O seu sistema é adequadamente protegido contra hacker ou empregados mau-intencionados?

    Preparem-se a desastres físicos

  • Tomem qualquer precaução para prevenir ou limitar os danos de um desastre como fogo, água, ou explosões. Por exemplo, não posicionar um servidor sem proteção embaixo de uma tubulação “a risco”.
     

  • Prepare um “plano de recuperação de um desastre”. Onde pegaria os equipamentos necessários para recolocar de pé o sistema no caso em que aquele atual seja destruído?<

Prevenção da perda de dados para cada usuário

Todas as medidas de prevenção descritas acima, podem ser usadas também por simples usuários em base à importância que cada um dá aos próprios dados. Esta seção descreve medidas preventivas muito simples.

Backup

Os usuários comuns podem copiar os próprios arquivos importantes em um floppy, CD ou outro suporte removível, etiqueta-lo apropriadamente e conserva-lo em uma caixa para o caso de uma futura necessidade, junto com cada cópia original de todos os software usados. 

Usuários mais exigentes podem comprar um sistema de backup (como uma fita), ou usar um sistema de backup na internet.

Reabilitação

Um usuário que usa um método de backup informal (em um floppy, CDROM, etc...) pode verificar a consistência do backup simplesmente lendo o suporte no qual foram feitas as cópias.

O usuário mais exigente deveria ao invés documentar a própria atividade de  backup, e assegurar estas podem reabilitar completamente o sistema. É recomendado a ajuda de um técnico esperto.

Prevenção da perda de dados para empresa

Se a sua empresa depende do funcionamento do sistema informático, você precisa de um “plano de continuidade do business”. A parte mais importante desse documento é um elenco dos recursos e das atividades as quais o seu business não pode fazer a menos para funcionar. 

Backup

Fazer um backup´ dos dados significa configurar um procedimento no qual é feito uma cópia, geralmente em uma fita, de todos os dados críticos (ou de todos os arquivos). Existem também procedimentos chamados de “backup incremental” que memorizam somente os arquivos modificados , e somente periodicamente fazem a cópia de todos os arquivos. Estes procedimentos necessitam de um sistema de rotação das fitas, que deveriam também serem arquivadas de maneira clara, e de um procedimento para a reabilitação do backup. É preciso prestar uma particular atenção ao tipo de software usado para o backup e verificar a compatibilidade com o próprio hardware e o próprio sistema operativo.

Reabilitação

Cada rotina de backup deveria ser testada através de uma “reabilitação de teste”. Se não é possível arriscar de reabilitar o backup no servidor principal, reabilite os dados em um servidor de reserva. ( se as aplicações que execute são “mission-critical”, você deveria em cada caso ter um servidor de reserva).

Duplas

Se aplicada à informática, a dupla é um ótimo princípio! Quando, por exemplo, se usa um motor duplo em um avião, se usa no caso em que um dos outros motores devesse quebrar. Para garantir as grandes empresas com amplos recursos econômicos, a dupla significa manter um centro alternativo remoto com a cópia, atualizada por minuto, dos dados presentes na empresa. No caso de um defeito no servidor principal o fluxo de dados será automaticamente endereçado para o centro alternativo.

Se a sua empresa depende muito do sistema informático, deveria incluir a dupla nos planos para a continuidade da empresa. Também muitas empresas usam velhos servidores como workstation; é ainda possível reabilitar o backup e usá-lo por um breve período de tempo? Um bom plano de gerenciamento de emergência deveria prever um procedimento de reabilitação dos dados mais críticos em um servidor alternativo.

Segurança

As empresas devem considerar ameaças a segurança seja interna que externa, e de natureza seja física que lógica.

A segurança interna e externa, do ponto de vista físico, deve ser conseguida protegendo-se contra a água ou chamas, limitando o acesso, através de um elevado nível de segurança, às salas dos servidores ou dos dados.

As ameaças lógicas (ou software) externas podem ser contrastadas através do uso de instrumentos software ou hardware como antivírus e firewall.

As ameaças lógicas internas deveriam ser contrastadas com o uso de um sistema de password que dá direito ao acesso em base as operações que se quer efetuar. Este sistema deveria ser controlado e atualizado periodicamente.

Recursos humanos

Cada organização deveria individuar uma ou mais pessoas com o dever de assegurar a continuidade do business e a segurança dos dados. Estas pessoas deveriam:

  • Documentar os planos de continuidade do business e fazê-los examinar e aprovar pela administração.
     

  • Documentar o procedimento de reabilitação e backup.
     

  • Testar o procedimento de reabilitação.
     

  • Informar o restante dos dependentes sobre as políticas de segurança.
     

  • Assegurar que os dependentes sejam qualificados para esta responsabilidade e qual tenha o tempo e os recursos necessários para levá-la ao fim.

    A memorização, a manutenção e a possibilidade de usar os dados originais em qualquer momento são requisitos base da ética profissional de uma empresa. Isto é particularmente verdadeiro em ambientes governativos, médicos e financiários.

  •  

    Ligue Grátis - 0800 771 7242 ou (11) 4807 2577
    (24 horas - 7 dias por semana)

     
                 
       
      Nossa Empresa
      Por quê nós?
      Case History
      Processo de Recuperação
      Tempo e Custo
      Equipe Técnica
      Laboratório
      Trabalhe Conosco
      Program Partner
      RAID, SAN, NAS
      Desktop
     
       
      Notebook
      Fitas DTL, DAT
      Suportes Removíveis
      Office
      .PST
      Databases
      Senhas
      Sistemas Suportados
      Conversão de Dados
      Perguntas Freqüentes
      Condições e Garantias
     
       
      Suporte Telefônico
      Tecnologias
      Origem da Recuperação
      Perda de Dados
      Recuperação
      Pode ou Não Pode
      Prevenção
      Faça Você Mesmo
      Cancelamento de Dados
      A Sala Branca
      Eletrostáticos
     
       
      História do Suporte
      Disco Rígido
      Evolução
      Estocagem Magnética
      Estocagem Optica
      Estocagem Eletrônica
      Acromini
      Links Úteis
      Contato Recovery Lab
    Powered by: Neotimenet Web & Studio.